*Primeiro Aniversário em Casa*

… ou a festa organizada via internet.

DSC08615

Pra mim, fazer festa em casa, por mim mesma, implicou em um planejamento de meses (sério), encomendas, reservas adiantadas, um tantinho de dor de cabeça, mas o legal é que no fim, entre trancos e barrancos deu tudo certo…

Foi uma girl’s party à fantasia sendo que meia hora depois, quase ninguém mais usava fantasia, nem a aniversariante, com a lista de convidados feita pela própria Isadora (contendo apenas algumas amigas festa chique americana), sábado à tarde, num local concorridíssimo: o quintal de casa.

*Carta para Isadora*

Sentei para escrever e me deu um branco.

DSC08730

Cadê as palavras?

Só consigo pensar em como o tempo passou rápido. Você nasceu há NOVE anos atrás. Quase uma década!

Nasceu, cresceu, aprendeu milhares de coisas, e mostra a cada dia ser uma pessoa sensível, doce, solidária, super bem resolvida inclusive sobre questões que eu não sou, se tornando um ser humano muito melhor do que eu maravilhoso.

O que eu posso falar? Que eu queria voltar no tempo? Viver de novo todos esses anos tipo o filme Feitiço do Tempo e o dia da marmota? Isso eu vou repetir a cada ano que passar.

*Quando foi que o mundo virou esse lugar chato?*

anos-80-2c6542

Ando me perguntando isso, principalmente quando se diz respeito à infância.

Porque as pessoas resolveram que agora tudo tem que ser politicamente correto saudades, TV Pirata e ter um conteúdo didático/psicopedagógico/nutricional/emocional, senão as crianças não podem ver/ler/fazer/comer.

Não existe mais assistir programa bobo de TV porque é um programa bobo de TV. Não existe mais ler um gibizinho porque é um gibizinho. Não existe mais comer uma porcaria porque é uma porcaria.

Tudo o que a criança assiste/lê tem que ser educativo, ter conteúdo e profundidade, absolutamente tudo. Aquele canal e/ou aquele programa não pode, porque olha o tanto de propaganda, e as mensagens comerciais subliminares, a criança tem que viver livre de consumismo e blablablazzzzzzz….

*Bibbidi, bobbidi…*

E assim, como sempre, aqui estou eu aqui, mais de 6 meses depois, pra postar sobre o aniversário do ano passado da Isadora.

DSC07480

Calma, que eu vou postar um dia o diário de bordo de Miami/Orlando, mas uma coisa de cada vez, porque isso é o mais importante já que daqui a pouco tá chegando o próximo aniversário dela

Como todo mundo sabe, Isadora não teve FESTA de aniversário, claro. O dia 29 de outubro foi reservado para o Magic Kigdom, mas isso não quer dizer que não planejamos várias surpresas para o dia. Ao contrário, afinal, tinha que ser um dia especial, né?

*Carta para Isadora*

Hoje você faz 8 anos. OITO anos.

O tempo passou voando, e agora você é uma linda menina que já está terminando o 2o. ano do Ensino Fundamental, faz parte do Coral da Escola e faz teatro.

Agora você é super independente sempre foi e faz tudo sozinha. Desde tomar banho, escolher a roupa, se trocar, amarrar os cadarços dos tênis, até ler, escrever histórias… não é nem de longe aquele bebezinho que dependia de mim e do seu pai pra tudo ou quase tudo

*Data Venia*

Ontem foi um dia muito especial para mim e para a Isadora.

Desde muito pequena, ela sempre me acompanha aos fóruns, quando tenho que ver processos. Está acostumada ao ambiente, é conhecida dos cartorários, adora comer bolachas e tomar chá na OAB. Vida de filha de advogada é assim.

Mas, já há algum tempo ela vem me perguntando como é uma audiência, se é como ela viu em Os Feiticeiros de Waverly Place, com o juiz de toga e peruca batendo martelo, jurados… enfim, todo aquele teatro americano.